terça-feira, abril 04, 2006

À espera de quem já não vem...

7 comentários:

Hindy disse...

Às vezes ainda vale a pena esperar...

Ana Luar disse...

Esperas que nos consomem a alma...
Vou deixar-te o aroma de um poema que adoro...

Quem espera na pura espera
Vive um tempo de espera vã.
Não te esperarei na pura espera
Porque o meu tempo de espera é um
Tempo de quefazer
desconfiarei daqueles que virão dizer-me,:
em voz baixa e precavida:
é perigoso agir
é perigoso falar
é perigoso andar
é perigoso esperar, na forma em que esperas
porque esses recusam a alegria de tua chegada.

Poema de Paulo Freire

Beijo eterno

Isabel-F. disse...

um banco vazio...num jardim...transmite-me sempre tristeza...

bjs

hfm disse...

Tão solitariamente belo!

Luna disse...

Estamos sempre á espera de algo, muitas vezes de nos encontrarmos a nós proprios.

Papagueno disse...

por isso o Web Club tem sempre excelentes imagens, além do bom gosto há o dedinho de fotógrafa.

Pekita disse...

E mesmo assim...esperamos!